Países do Mercosul assinam acordo de cooperação

Documento autoriza avanço de fronteiras em perseguições policiais

A partir de um acordo de cooperação, os ministros de Segurança, Justiça e Interior dos países membros do Mercosul aprovaram, nesta quinta-feira (7), a possibilidade de que os agentes de segurança ultrapassem as fronteiras dos países em ações de perseguição policial. 

O encontro foi realizado em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, e presidido pelo ministro Sergio Moro. O documento foi assinado pelos representantes da Argentina, Paraguai, Uruguai e Bolívia. O acordo prevê ainda que se um agente de segurança prender uma pessoa no país vizinho, este suspeito deverá se apresentar à autoridade policial local.