No dia da Consciência Negra, brasileiro é espancado até a morte! Era negro

João Alberto Silveira Freitas tinha 40 anos

Um homem de 40 anos, identificado como João Alberto Silveira Freitas, foi espancado em uma das lojas do supermercado Carrefour de Porto Alegre. Os agressores, um segurança do local e um policial militar temporário fora de serviço, foram presos em flagrante. Freitas teria discutido com a caixa do estabelecimento e, então, foi conduzido pelo segurança da loja até o estacionamento onde começaram as agressões. Um vídeo que mostra a cena circula nas redes sociais. O caso gerou comoção porque o homem era negro e a morte ocorreu na quinta-feira (19), na véspera do Dia da Consciência Negra, celebrado ontem (20).

Leia mais: