Chefe de tráfico de drogas em Londrina é condenado a mais de 30 anos

Suspeito foi alvo da Operação Sicário

A 3ª Vara Criminal de Londrina condenou a 30 anos, 10 meses e 21 dias um chefe do tráfico de drogas na cidade. Também foram condenados outros dois réus denunciados pelo Ministério Público do Paraná, as penas impostas foram menores, 5 anos e 10 meses e 5 anos de reclusão. Os condenados estão entre os alvos da Operação Sicário, deflagrada em julho de 2019 para coibir organização criminosa que atua a partir de presídios em diversos municípios do Paraná, especialmente na região norte, e em outros estados.

A operação, que gerou as denúncias, foi realizada em regime de força-tarefa pelo Gaeco de Londrina, pela 16ª Promotoria de Justiça e pela Polícia Militar. O principal réu chefiava o tráfico em uma região de Londrina e foi condenado pelos crimes de organização criminosa, associação para o tráfico e tráfico. Os outros dois por participação em organização criminosa.

Leia mais

Com informações do Ministério Público do Paraná*