Brasileiro com câncer terminal recebe alta após terapia inédita

Trata-se da técnica genética CART-Cell

Vamberto Luiz de Castro, de 62 anos, paciente paliativo que tinha linfoma terminal e tomava morfina todo dia, receberá alta neste sábado (12), após passar por um tratamento inédito na América Latina.

Ele deu entrada em 9 de setembro no Hospital das Clínicas em Ribeirão com muitas dores, pois o tumor havia se espalhado para os ossos. Segundo os médicos, o paciente tinha menos de um ano de vida. Diante do quadro, Vamberto passou por uma nova terapia, nunca aplicada no Brasil.

Trata-se da técnica genética CART-Cell, descoberta no exterior, que manipula células do sistema imunológico para que possam combater as células cancerígenas. Esta técnica está em fase de pesquisas e, nos EUA, os tratamentos podem custar mais de U$ 475 mil.

Leia Mais:

Jornalismo Paiquerê FM News